terça-feira, 13 de maio de 2008

 

Arrasa-quarteirão divertido

Apesar de inferior a adaptações como X-Men, o filme Homem de Ferro acerta em aposta no humor e tem elenco como ponto forte

Por Rodrigo Alves

Quer um forte motivo para ir assistir a Homem de Ferro: Robert Downey Jr. Depois de muito tempo (e muitos escândalos envolvendo drogas e prisões) ele está de volta em boa forma e impagável. O filme, é bom avisar, não tem o mesmo sabor delicioso do drama psicológico explorado em X-Men e Homem-Aranha, ambos também da Marvel e indiscutivelmente melhores, mas consegue a façanha de deixar palatável na telona uma das HQs menos populares do selo (que, a propósito acabou de tornar-se também produtora de cinema).

O mérito, é claro, está no investimento no humor, caminho mais curto para se chegar ao sucesso entre o público jovem. Não há como não resistir quando Downey Jr. se mostra preocupado diante da coletiva de imprensa pensando se deverá ou não revelar sua identidade, para afinal desistir: “Sou o Homem de Ferro”. Ele dá vida e personalidade ao misto de gênio e playboy Tony Stark. O ricaço acredita estar produzindo armas para o bem dos Estados Unidos – e essa patriotada do filme, apesar de atual, é imperdoável, diga-se de passagem. Ele descobre, porém, que sua convicção é furada e decide lutar contra armas de destruição em massa.

O diretor Jon Fravreau não consegue tirar o fôlego nas cenas de ação. É feliz, no entanto, na direção de seu elenco. Ele é hábil em extrair bom resultado, por exemplo, de Gwyneth Paltrow, que já esteve insossa em vários papéis (quem não engole aquele Oscar, por Shakespeare Apaixonado, que o diga). A moça, que aliás declarou recentemente cogitar aposentadoria imediata para ficar com os filhos, está em excelente química com Downey Jr. O filme tem gancho para continuação, como era esperado. O que não é impede uma visita à sala de cinema para bons momentos de diversão.

Serviço
Filme
: Homem de Ferro (Iron Man) – EUA, 2008. 135 min. Ação.
Direção: Jon Favreau
Elenco: Robert Downey Jr., Gwyneth Paltrow, Jeff Bridges, Terrence Howard
Em cartaz em todo o País
Site: http://www.ironmanmovie.com/


Rodrigo Alves é jornalista e especialista em Jornalismo Literário

Foto: Divulgação

2 comentários:

Helen Fernanda disse...

A "gente" inventô um "negocim" chamado "BloGYN", que é "pra mode us bloguêro goianim", principalmente da "capitar", interagir tanto na web quanto na vida "rear".

Para começar a participar, basta na seguinte página entrar: http://groups.google.com/group/blogyn

Para logar basta o seu loGYN do Google usar, ou seja: mesmo "i-meiu" e senha do orkut.

Solicite oarticipar que eu vou te adicionar. Se preferir, pode configurar para não receber "mensagi pur i-meiu"e olhar só na "uébi". Se não quiser seu bloGYN pessoal espalhar, pode outro blog divulgar.

Acho que essa semana já tem encontro do "pessoar".

Cansei de rimar e de "r" puxar, vou encerrar.

Rainer Gonçalves Sousa disse...

A história do Homem de Ferro é meio tosca. Do tipo: "Tio Sam escreve certo por linhas tortas...."

Mas a atuação do Robert Jr. é perfeita ! (Please, no gang signs....AHUAIUAHAIUAHAIU)